Lentes de Contato

"Há quatro décadas a Clinica Raskin dedica-se a contatologia médica, isto é: adapta lentes de contato e faz acompanhamento das lentes e dos olhos dos pacientes através dos profissionais Dr. David Raskin e Dra Roseli Henkin Raskin."

Ao longo dos anos, a evolução das lentes de contato e dos materiais usados, de seus moldes e a relação córnea X lentes de contato tem sido extraordinária.

Inicialmente as lentes de contato eram restritas a poucas patologias e pacientes. Hoje, sob controle médico, seu uso é possível para a maioria dos pacientes usuários de óculos.

Pacientes com miopia, astigmatismo, hipermetropia, presbiopia, anisometropia, ceratocone, pós-operados de cirurgia refrativa, defeitos estéticos do olho etc. podem beneficiar-se com seu uso.

Usando lentes de contato o paciente pode substituir óculos de graus espessos ou assimétricos por “aqueles” óculos solares que sempre sonhou.

A maquiagem que você tanto gosta, ou que seu trabalho exige pode ser feita com muito maior facilidade e é melhor percebida do que através das hastes dos óculos de grau.

Pacientes com hipermetropia, presbiopia, miopia ou astigmatismo elevados podem barbsear-se com mais facilidade com lentes de contato do que com óculos.

O exame oftalmológico completo em especial a eversão (virar) da pálpebra superior é obrigatório e facilita o diagnóstico e tratamentos que evitam o insucesso do uso de lentes de contato.

Testes de adaptação feitos por pessoas nem sempre bem preparadas, bem como o uso de lentes por períodos muito superiores à vida útil das lentes de contato têm frustrado pacientes que poderiam ser beneficiados por uma prática médica correta, pois nunca se pode esquecer que uma lente de contato é um “corpo estranho” que deve ser medicamente controlado durante todo seu uso.

O campo de visão é bem mais amplo para esportes, danças, vida social e oferece maior segurança no trânsito (ultrapassagens, acostamento e retrovisão) etc. o que melhora enormemente a qualidade de vida de pacientes e sua auto-estima.

Não somente o vício de refração tem indicação médica para o uso de lentes de contato. Pacientes com defeitos estéticos e patologias corneanas podem se beneficiar com o uso de lentes de contato, inclusive coloridas, cosméticas e terapêuticas.

O controle das lentes de contato, adaptadas pelo oftalmologista experiente, tem minimizado o número de complicações e insucessos de seu uso, evitando insatisfações e medos pelos quais os pacientes deixam de usufruir as vantagens das lentes de contato.

O uso excessivo de produtos cosméticos e protetores solares na testa podem irritar os olhos quando o paciente suar bastante (lei da gravidade).

Galeria de Imagens